Lagoa da Canoa: PTB agiu de má fé, afirmou vereador.

Compartilhe...
Preto da Besta afirma que a direção do PTB agiu de má fé

O vereador Preto da Besta irá concorrer à reeleição em Lagoa da Canoa, no Agreste de Alagoas, mas acusa o diretório do PTB de ter registrado seu nome como filiado da legenda sem seu consentimento. O caso pode parar na Justiça, já que o parlamentar pertence ao MDB.

Segundo o parlamentar, trata-se de uma tentativa de esvaziar a chapa partidária montada pela oposição de Lagoa da Canoa. Preto da Besta afirma que a direção do PTB agiu de má fé e que já ingressou com pedido, na esfera judicial eleitoral, com o objetivo de ter sua situação resolvida.

“Estou ingressando judicialmente contra o PTB pra responsabilizá-lo pelo ardil praticado. Estou filiado ao MDB e sou pré-candidato à reeleição por esta legenda que tentam esvaziar aqui em Lagoa da Canoa, mas as pessoas merecem ser respeitadas e vou buscar os meus direitos para continuar trabalhando pela municipalidade”, disse.

Preto garante que todas as informações sobre sua possível saída do MDB é pura especulação política. Ele reafirmou que em nenhum momento fez qualquer projetação de sair do partido.

“Nos dias atuais, o que se deveria esperar era um mínimo de bom senso e boa-fé, fato este não respeitado nessa situação. Lamentável”, finalizou.

Um comentário em “Lagoa da Canoa: PTB agiu de má fé, afirmou vereador.

  • 30 de abril de 2020 em 08:38
    Permalink

    Tem duas mentiras aí: Primeiro que essa fala boa eh dele e, segundo, ele não faz nada pelo povo da Canoa kkkkkkk

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.